sexta-feira, dezembro 14, 2018

terça-feira, dezembro 11, 2018

segunda-feira, dezembro 10, 2018

sábado, novembro 24, 2018







"Sentir é mais que Saber"



Lionel Richie, Lady








Trazemos no fundo do casaco
algumas canções usadas
- e achamos, por vezes, que
é para nós que as estrelas brilham,
entre prédios demolidos e amores também.
Acabamos, mais cedo ou mais tarde,
por acreditar no silencio.
....



de Manuel de Freitas



quarta-feira, novembro 21, 2018

eu




A vida é uma aprendizagem diária.
Afasto-me do caos e sigo um simples pensamento: 
Quanto mais simples, melhor!



de José Saramago



terça-feira, novembro 20, 2018





de Vasco Gato











...







 The World has music (flowers) 
to those who listen (see).


de William Shakespeare

fotos (péssimas) minhas

sexta-feira, novembro 16, 2018

....






de Ligia Garcia & Garcia




.....





"Só o amor e a arte pagam a inquietação de ter nascido."






quinta-feira, novembro 15, 2018

quarta-feira, novembro 14, 2018



É estranho, mas as coisas boas e os dias agradáveis são narrados depressa, e não há muito que ouvir sobre eles, 
enquanto as coisas desconfortáveis, palpitantes e até mesmo horríveis podem dar uma boa história e levar um bom tempo a contar.


de J. R. R Tolkien em O Hobbit




terça-feira, novembro 13, 2018






de Michael Dumontier and Neil Farber












eu





de Severi



Cat Power, The Greatest...





Once I wanted to be the greatest
No wind or waterfall could stall me
And then came the rush of the flood
Stars at night turned deep to dust
...
....



sábado, novembro 10, 2018





Teu rosto no meu rosto, descansado.
Meu corpo, no teu corpo, adormecido.
Bater de asas, tão longe, noutro tempo,
sem relógio nem espaço proibido.

(...)

Que música de prantos e de fontes!
Que riso de águas vem para nos levar?
Meu rosto, no teu rosto de horizontes,
meu corpo, no teu corpo, a flutuar.



poema de Natércia Freire

detalhe da escultura Eros & Psique de Antonio Canova



yep





sexta-feira, novembro 09, 2018






de Michael Dumontier and Neil Farber




Shirley Bassey , (Where Do I Begin) Love Story...





...
....
How  long does it last?
Can love be measured by the hours in a day?
I have no answers now, but this much i can say
I`m going to need him till the stars all burn away
And he`ll be there








de Michael Dumontier and Neil  Farber




Houvesse um sinal a conduzir-nos
e unicamente ao movimento de crescer nos guiasse.Termos das árvores
a incomparável paciência de procurar o alto,
a verde bondade de permanecer 
e orientar os pássaros.


de Daniel Faria





quarta-feira, novembro 07, 2018

The Cure, A Thousand Hours...




For  how much longer can i howl into this win?
For how much longer 
Can i cry like this?

A thousand wasted hours a day
Just to feel my heart for a second
A thousand hours just thrown away
Just to feel my heart for a second

For how much longer can i howl into this wind?









Atravessei contigo a minuciosa tarde
deste-me a tua mão, a vida parecia
difícil de estabelecer acima do muro alto

folhas tremiam
ao invisível peso mais forte

Podia morrer por uma só dessas coisas
que trazemos sem que possam ser ditas:
astros cruzam-se numa velocidade que apavora
inamovíveis glaciares por fim se deslocam
e na única forma que tem de acompanhar-te
o meu coração bate.


de José Tolentino de Mendonça



terça-feira, novembro 06, 2018





de Michael Dumontier e Neil Farber



Sade, By Your Side...




You think i`d leave your side baby
You know me better than that
You think i`d leave you down when you´re down on your kness
I wouldn`t do that

I`ll tell you`re right when you want
Ohhh
And If  only you could see into me

Oh when you`re cold
I`ll be there
To hold you tight to me

Oh when you`re alone
I`ll be there by your side, baby









de José Tolentino Mendonça







segunda-feira, novembro 05, 2018



A vida ri-se das probabilidades e põe palavras onde imaginamos silêncios 
e súbitos regressos quando pensávamos
 não nos voltaríamos a encontrar.



de José Saramago



domingo, novembro 04, 2018



agora não. talvez daqui a uma hora, amanhã, depois de amanhã, mais tarde, mas agora não.
agora aguenta-te, finge que és forte, sorri ou, pelo menos, puxa os cantos da boca para cima: se mantiveres os olhos secos vão pensar que é um sorriso...




de António Lobo Antunes





....








quarta-feira, outubro 31, 2018

domingo, outubro 28, 2018






(...)
the great revelation had never come. 
The great revelation perhaps never did come. 
Instead, there were little daily miracles, iluminations, matches struck unexpectedly in the dark 
- here was one.



de Virginia Woolf, em To the Lighthouse
foto encontrada num tumblr , sem referencia a autor/a







sexta-feira, outubro 26, 2018

Era, Senti re l`amor. E uma espécie de carta minha...






Quando "tudo vai mal", seria justificável e compreensível, alguma zanga nossa.
Barafustar, reclamar, bater com as portas, gritar palavras feias e impropérios.
Esquecer as coisas boas, ignorar as bonitas.
Eu, é estranho, quando estou infinitamente triste, lembro de tudo o que eu gosto e fico com vontade de fazer coisas boas  e de ser melhor pessoa. 
Também me apetece chorar, mas nem sempre consigo. (É verdade, sei isso mt mt  bem: chorar alivia, e consola um pouco, até...)

A história é esta e nunca me tinha acontecido - saber que alguém, de quem gosto, em quem me revejo bastante, tem apenas algumas semanas, talvez até dias, de vida.

Morrer é apenas não existir; somos , na morte, o que éramos antes de nascermos - nada.
E o nada é a ausência do tudo -  o bom, o mais ou menos e o mau.
Temos pena de quem morre, mas os tristes somos nós, os que ficamos!
Faz sentido/não faz sentido? não importa, é assim que as coisas são.

O que eu dava por um ultimo abraço!

Talvez, afinal, esteja aí um sentido para a morte - para que os que ficam descubram o que mais  desejam, o que lhes é  realmente importante e imprescindível...
Para mim é um abraço apertado, uma meiguice, um carinho. É olhar, olhos nos olhos, com confiança e amor...

Num dia mt triste
(mas) com muito Amor
para todas as pessoas da minha vida,

fátima







Dead Can Dance, Sanvean...









quinta-feira, outubro 25, 2018

quarta-feira, outubro 24, 2018



(....)
Muito se perde, e muito fica; embora
Não tenhamos a força que, outros tempos,
Tudo movia - quanto somos, somos:
Uma igual tempera do peito heróico,
Ao tempo e fado frágil, mas bem forte
Para buscar, achar, e não  perder.



De Alfred Tennyson, em Ulisses



Divine Comedy, If...





If  you were the road
I`d go al the way
If you were the night
I`d sleep in the way
If you were the day
I`d cry in the night
`Cause tou are the way
The truth and the light
....
.....




segunda-feira, outubro 22, 2018

Serie Tv, Shetland season4







(...)
Now that my ladder`s gone
I must lie down where all the ladder`s start 
In the foul rag and bone shop of the heart.



de William Butler Yeats


domingo, outubro 21, 2018







Ilustraçao de Michael Dumontier and Neil Farber





sábado, outubro 20, 2018

...



Há uma época da vida em que esperamos que o mundo esteja sempre cheio de coisas novas. E depois damos conta de que não vai ser assim. Percebemos que a vida vai ser uma coisa cheia de buracos. De ausências. De perdas. De coisas que existiram e desapareceram. E também nos apercebemos de que temos de crescer à volta e entre as lacunas, embora possamos estender a mão na direcçao das coisas e sentir esse entorpecimento tenso e luminoso do espaço onde se encontram as recordações.



de Helen Macdonald




quarta-feira, outubro 17, 2018

terça-feira, outubro 16, 2018









Conheço as passagens,
as curvas, 
as armadilhas, 
todas as minas da Fatalidade.

Nao posso perder-me.



de marguerite yourcenar

sexta-feira, outubro 12, 2018

Ace of Base, Life is a flower...






We live in a free world
i whistle down the wind
carry on smiling
and the world will smile with you




quinta-feira, outubro 11, 2018

The Divine Comedy, Our Mutual Friend...







...




... e ela tinha cansado de esperar por ele, reconhecendo-o sempre nos homens altos e baixos, louros e morenos, que as cartas do baralho lhe prometiam pelos caminhos de terra e do mar, para dali a três dias, três meses ou três anos.

Na espera havia perdido a força das coxas, a dureza dos seios, o hábito da ternura, mas conservava intacta a loucura do coração.



Gabriel Garica Marquez, em Cem anos de solidão


terça-feira, outubro 09, 2018

Derek







Porcupine Tree, Lazarus





...
And says

- Follow me down to the valley bellow
You know
Moonlight is bleeding from out of your soul




segunda-feira, outubro 08, 2018




Ilustraçao de Michael Dumontier and Neil Farber



domingo, outubro 07, 2018






Ilustraçao de Michael Dumontier and Neil Farber



sexta-feira, outubro 05, 2018




Ilustraçao de Michael Dumontier and Neil Farber





quinta-feira, outubro 04, 2018

The Gift , Meaning of Life..






Would you give me your heart only for one night
Would we dance in the rain under the same light
Would we play different roles just to live two lives?

Would you smile again if i stop the time?



quarta-feira, outubro 03, 2018

...



É preciso sofrer depois de ter sofrido,
e amar,
e mais amar,
depois de ter amado.



De Guimaraes Rosa



Kaleo, Way Down We Go








segunda-feira, outubro 01, 2018